Comunidade Cristã | Encantado, 24 de novembro de 2017
DISSIMULAÇÃO
Por: Pr. Armando Castoldi
20/06/2016
A cada dia somos sacudidos com notícias de novas atrocidades cometidas pelo homem. Uma comentarista de um programa de TV, num desabafo disse: O ser humano não deu certo! Pensei: Puxa, finalmente, alguém fala coisa com coisa! O contexto do comentário, era a chacina ocorrida na cidade de Orlando nos EUA no último domingo. Mas, durou pouco minha esperança que alguém finalmente houvesse acendido uma luz, pois imediatamente essa mesma comentarista retornou para o lugar comum da questão do desarmamento; essa insistência, especialmente na grande imprensa, de sempre desviar a culpa dos indivíduos e colocá-la sobre alguma questão estrutural. Hoje as culpas já não são individuais, mas coletivas. Sempre encontra-se alguma explicação sociológica para justificar, mesmo os crimes mais hediondos. Então, para isentar os verdadeiros culpados, as punições precisam recair sobre todos. Ora, pelo fato de um radical islâmico e homofóbico – e isso sim é homofobia, ter cometido essa atrocidade, o comércio legal de armas deve ser abolido. Aqui no Brasil então, o assunto se torna um prato cheio, evidentemente por que há grandes interesses ideológicos por trás desse tema. Mas sejamos honestos: Desde quando um radical islâmico precisaria recorrer a uma loja para conseguir uma arma? E desde quando aqui no Brasil, os tantos assassinos que diariamente aumentam as estatísticas da criminalidade adquirem suas armas legalmente? O fato é que por trás dessa dissimulação está um movimento de dominação mundial, que mais e mais vai procurar anular a autonomia dos cidadãos, para justificar um controle total de todos os habitantes da terra. Por isso, sabendo que o desarmamento dos cidadãos aumenta a ousadia dos delinquentes, é necessário utilizar-se de tudo o que for possível para reforçar os artifícios em favor dessa intervenção. É por isso também que há tanta ênfase na questão do racismo, nas questões de gênero, na redução da menoridade penal e tantas outras supostas ou reais injustiças, sobre as quais a sociedade toda já está sendo punida. De fato o ser humano não deu certo, mas isso não significa que todos são culpados de tudo. Somos todos iguais em natureza, em potencial; somos todos pecadores, sem dúvida, porém não somos todos iguais na intensidade com que o bem e o mal se manifestam em cada um. Caim e Abel eram irmãos! Ora, como fruto da própria experiência de vida comunitária, o ser humano sempre compreendeu que a culpa é individual. A História, e especialmente a História do Direito revela que os estatutos legais sempre visaram a imputação da culpa individual, por uma simples razão: Quando uma sociedade não pune os indivíduos infratores, ela mesma, sem a sentença de qualquer juiz, pagará naturalmente o preço da sua omissão. Não é preciso punir uma sociedade que libera todas práticas e costumes. Ela pagará por si mesma o preço da sua tolice! Prezado leitor: Aceitando esse discurso diabólico travestido de humanismo, o mundo se transformará num caos tão grande que as próprias pessoas clamarão por um governo mundial. Creia, é assim que virá o falso cristo e, todos aqueles que não derem ouvidos ao Verdadeiro, facilmente cairão na sua dissimulação. Pense nisso, e faça sua própria decisão, porque dela também depende a sua salvação eterna. JESUS, A OPÇÃO DA VIDA!
COMUNIDADE CRISTÃ
Culto: Domingos as 19h30min
Jovens: Sábados as 19h30min
Encontro de Oração: Sextas as 20h

Atendemos pelo e-mail contato@ccencantado.com.br
- Info. sobre reuniões de células
- Aconselhamento
- Esclarecimento bíblico
NOVIDADES
COMUNIDADE CRISTÃ DE ENCANTADO/RS | TELEFONE: (51) 3751-1369 | EMAIL: contato@ccencantado.com.br