Comunidade Cristã | Encantado, 22 de novembro de 2017
LIMITES
Por: Pr. Armando Castoldi
02/11/2012

 

Nos últimos dias tenho pensado muito sobre esta palavra. Impressionante como os limites estão em todo lugar. A partir de uma determinada altura, precisamos cuidar com a lei da gravidade; a partir de determinada velocidade precisamos cuidar com a lei da inércia. O som exagerado prejudica os nossos ouvidos; o excesso de luz ferirá os nossos olhos. O exagero na alimentação produzirá obesidade; o excesso de atividade física levará à exaustão. O universo é permeado de limites, desde as constelações até o interior do átomo. Onde quer que você vá, o que quer que você faça, a cada palavra, a cada gesto, a cada passo, você irá se deparar com alguma forma de limite. 
A que conclusão isso nos leva? Que a ordem do universo é sustentada pelos limites. Quando uma mínima partícula se move além da medida, em algum âmbito, em alguma proporção, se estabelecerá algum desequilíbrio. Numa medida plausível, os desequilíbrios são tolerados, mas a partir de determinadas proporções, a quebra de limites provocará  inevitavelmente uma situação de caos. 
A bem da manutenção das ordens elementares, todos os sistemas, todos os corpos, todos os elementos possuem uma dose de resistência capaz de suportar pequenas rupturas, porém haverá uma medida que nenhum sistema ou corpo poderá resistir. 
Não sei por que,  na verdade eu sei, aquilo que é tão óbvio quanto às leis naturais parece ser tão inaceitável na ordem moral e espiritual. Sou obrigado a concluir que há um entorpecimento mental provocado conscientemente por uma entidade maligna, que tenta bloquear no ser humano exatamente aquilo que deveria ser o seu grande diferencial do restante da criação.
É loucura, e para ser mais exato, burrice mesmo, presumir que num universo impregnado de leis, um ser com tamanha capacidade de interferir em seu meio; um ser com tamanho potencial para o bem ou para o mal, não possuísse, na ordem exatamente proporcional, a contrapartida moral de responder por seus atos. Neste caso, a única conclusão que poderíamos chegar é que esse ser se pareceria muito mais com o Diabo do que com Deus. Se o homem pensa que pode praticar o mal sem a devida reparação, de imagem e semelhança de Deus, ele se desloca para a esfera contrária. Satanás soprou exatamente essa sugestão nos ouvidos de Eva: Por que um limite? Ele, Satanás, disse nas linhas: “você será semelhante a Deus”, porém nas entrelinhas, retendo seu riso sarcástico, disse: “Você ficará muito parecida comigo”!
Desde então, Deus tem vindo ao encontro do homem. A lei de Deus nunca teve como objetivo condenar o ser humano, mas protegê-lo, atenuando os efeitos do veneno inoculado em suas veias. As leis humanas, concebidas dentro do mesmo propósito, também tentam estabelecer limites toleráveis, a fim de que o homem possa proteger-se de si mesmo e preservar a ordem social. Nisso, há um reconhecimento implícito do nosso potencial para o mal. Mas quando essa verdade fundamental é ignorada, a própria lei começará a extrapolar os seus limites, punindo o justo e inocentando o culpado.
É nessa direção que nossa sociedade está se encaminhando, por que no fundo, achamos que somente a transgressão do outro terá conseqüências.
Prezado leitor: Você já percebeu que todos os seus problemas, a não ser por alguma circunstância realmente inusitada, estão relacionados ao fato que você ou alguém próximo a você quebrou algum limite?  Sem limites não temos a mínima segurança para viver em sociedade e, num nível bem mais particular, sem limites não temos a mínima chance de ser felizes.  Por isso: “De tudo o que se tem ouvido, a suma é: Teme a Deus e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo homem”. Porque Deus há de trazer a  juízo todas as obras, até as que estão escondidas, quer sejam boas, quer sejam más”. (Eclesiastes 12.13-14)
JESUS, A OPÇÃO DA VIDA!
COMUNIDADE CRISTÃ
Culto: Domingos as 19h30min
Jovens: Sábados as 19h30min
Encontro de Oração: Sextas as 20h

Atendemos pelo e-mail contato@ccencantado.com.br
- Info. sobre reuniões de células
- Aconselhamento
- Esclarecimento bíblico
NOVIDADES
COMUNIDADE CRISTÃ DE ENCANTADO/RS | TELEFONE: (51) 3751-1369 | EMAIL: contato@ccencantado.com.br